Em última instância, STJD nega pedido do Flamengo para paralisação do Brasileirão durante Copa América

FOTO: LUCAS FIGUEIREDO/CBF

O STJD negou – de forma unanime – na manhã desta quinta-feira (17) o pedido de paralisação calendário do futebol brasileiro durante o período Data FIFA, entre junho e julho. A solicitação partiu do Flamengo, excepcionalmente desfalcado com cinco jogadores servindo suas respectivas seleções durante a realização da Copa América no Brasil. O caso foi julgado pelo Pleno por meio de sessão virtual.

Por meio de seu presidente, Otávio Noronha, o STJD havia indeferido o pedido do Flamengo anteriormente. Contudo, após considerar alguns argumentos plausíveis, optou por levar o caso com urgência em colegiado no Pleno – ou seja, última instância do tribunal.


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


O Flamengo teve cinco atletas convocados entre seleções do Brasil, Uruguai, Chile e Paraguai. São eles: Gabigol, Éverton Ribeiro, Giorgian De Arrascaeta, Piris da Motta e Maurício Isla. Ou seja, do total, quatro são considerados titulares absolutos na equipe rubro-negra. Vale destacar, ainda, que o Mais Querido passa por um período decisivo na temporada entre compromissos pelo Brasileirão e Copa do Brasil. Cada jogador pode ser baixa por até nove duelos.

Após garantir classificação às oitavas de final da Copa do Brasil, o Flamengo concentra seu foco no encontro com o Bragantino, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro. A partida está marcada para acontecer no sábado (19), às 21h (horário de Brasília), no Maracanã. O Rubro-Negro não poderá contar com nenhum convocado para o confronto.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *