Ceni balança após derrota para o Fluminense e ala da diretoria demonstra insatisfação com o técnico

FOTO: ALEXANDRE VIDAL/FLAMENGO

Por: Guilherme Xavier

No último domingo (04), o Flamengo perdeu para o Fluminense por 1 a 0 e interrompeu a boa fase na temporada. Com duas derrotas em três partidas, o Mais Querido oscila e o cargo de Rogério Ceni começa a ficar ameaçado. Conforme apurado pela reportagem do Coluna do Fla, uma ala da diretoria começa a demonstrar insatisfação com o trabalho do treinador rubro-negro.

Vale destacar que, antes da derrota para o Fluminense, o cargo de Rogério Ceni não sofria contestações. No entanto, a atuação rubro-negra no clássico prejudicou a visão desta ala mais crítica da diretoria. Na ocasião, o Mais Querido criou muitas chances, mas não capitalizou e foi castigado no fim do jogo. Dessa forma, a leitura de jogo e certa ‘teimosia’ do treinador foram o grande alvo das críticas dos dirigentes.

Nas conversas, o principal problema apontado é uma falta de autocrítica do treinador. As declarações de Ceni em entrevistas coletivas, atrelando as derrotas a gramados ruins, erros de arbitragem e desfalques, irritaram membros ligados ao futebol. Isso porque, acreditam que o técnico deveria reconhecer falhas no sistema de jogo e o baixo nível apresentado em determinadas ocasiões.

CONFIRA ESTATÍSTICAS DE ROGÉRIO CENI PELO FLAMENGO:

43 jogos
25 vitórias
7 empates
11 derrotas
66% de aproveitamento
+31 saldo de gols

Com isso, Ceni balança em momento crítico da temporada. Com as oitavas de final da Copa do Brasil e da Libertadores se aproximando, o treinador precisa encontrar soluções, a fim de se manter como técnico do Flamengo. Contudo, o próximo compromisso será um teste de fogo para o comandante, visto que o Fla enfrenta o Atlético-MG, um dos grandes rivais do Mengo por títulos na temporada, fora de casa.

[perfect_survey id=”337512″]


Aproveite a boa fase do Flamengo para lucrar!


Para voltar ao caminho das vitórias e restaurar os resultados e o desempenho que o torcedor espera, Ceni vive momentos decisivos na preparação visando o jogo contra o Atlético-MG. Assim, o Flamengo enfrenta o Alvinegro nesta quarta-feira (07), às 19h (horário de Brasília), no Mineirão. A partida contará com transmissão do Coluna do Fla, a mais rubro-negra da internet, no YouTube.

Veja também

  • Sempre faço um textão aqui falando das mesmas coisas sempre, seja o time ganhando ou perdendo, sempre aponto os erros do pardal.

    – Time sem padrão tático nenhum, isso é nítido demais, há momentos onde tem jogador atrapalhando a finalização do outro porque estão ocupando o mesmo espaço no campo, isso é claramente falta de organização, o time parece um bando em campo, joga no bumba-meu-boi. E isso não tem NADA A VER COM DESFALQUES, já estava assim antes das convocações e lesões.
    – Rogério Ceni teve praticamente 1 ano inteiro pra corrigir isso e as falhas defensivas que o Flamengo apresentou quando o técnico era o Domenec, não foi capaz de nada disso.
    – Vive improvisando jogadores em posições que nunca atuaram ou não estão tão habituados: Arão na zaga, Diego de volante, Gerson de ponta, e ainda estava testando Thiago Maia de ponta.
    – Sobre Arão na zaga, acho um absurdo o recado que ele passa para os outros zagueiros do elenco, é como se nenhum deles prestasse. A propósito, foi por isso que perdemos Natan e Thuler recentemente, e vamos acabar perdendo Noga e Otávio também, excelentes zagueiros que não são aproveitados porque o treinador prefere manter um volante (bem fraco diga-se de passagem) improvisado na zaga.
    – João Gomes é substituído TODO JOGO e a desculpa é o CANSAÇO… Um jogador de 19 anos cansar tanto assim? Diego com quase 40 anos joga os 90 minutos em TODOS OS JOGOS, qual o critério?
    – Time arame liso, só tem posse de bola, pouco ataca, e quando ataca erra o alvo.
    – Não tem jogadas ensaiadas, não tem bola parada, não tem triangulações, não tem passes em profundidade, não tem chegadas na linha de fundo, não tem compactação, não tem marcação sob pressão, não tem NADA.

    Domenec foi demitido por muito menos, MUITO MENOS.

    O clube investe centenas de milhões nas categorias de base todo ano, não é possível que não tenha nenhum jogador melhor que Vitinho e Michael por lá.
    A propósito, não quiseram renovar com o Guilherme Bala, que hoje poderia facilmente jogar no lugar de um desses 2 estrumes… Sinceramente, não dá pra entender os critérios de Ceni e da diretoria.

  • Se pra apresentar problemas tivesse que apontar soluções não teriamos comentaristas, jornalistas. Pra melhorar temos de ver onde esta o erro e é nitido que esta no treinador, que além de ser um treinador mediano, perdeu o elenco. Mas teriamos alguns bons nomes, alguns com prós e claro contras:
    Renato Gaucho: Sabe armar times, tem bom relacionamento, tem bons trabalhos. Ah mas o cara tomou goleadas e pos a culpa em outras coisas, alguém ai ja viu treinador admitir ou fazer criticas ao seu próprio trabalho?
    Felipão: Experiente, tem um bom trabalho recente com o Palmeiras. O que pega talvez é seu lado brigão, rabugento kk
    Tem os gringos também…. enfim o problema do Flamengo não é apenas jogador, e sim treinador. Flamengo ta jogando um pouco ainda pelo entrosamento pq treinamento tem nd!

  • Ontem acompanhando uma live, o youtuber mencionou o nome do Beccacece, atual do Defensa e Justicia. Lembro que sofremos muito contra o Racing e na época ele, o Beccacece, era o técnico, e o Racing era horrível, muito inferior e o Mengão do Ceni tomou sufoco. mérito do Beccacece? Sorte do Beccacece? Azar do Ceni? Acho que o Ceni não sabe pilotar esta máquina que tem em mãos, top de linha, mesmo com o time reserva, ontem, no Fla x Flu, poderia ter dado um “chocolate”!!!!. Mas não. Foi o Ceni de sempre, fez a leitura errada, trocou mal e mais uma vez, somos chacota dos “bambis” cariocas!. Lamentável!!!

  • Tira o Rogério e coloca QUEM no lugar?rs. Tudo bem, precisa melhorar e muito, não dá pra perder pontos preciosos para Bragantino, Juventude e Fluminense. Vai fazer falta lá na frente, mesmo com 2 jogos a menos. E por favor não me venham com a “maria faladeira gaúcha” de novo. Sacaneou o Flamengo 2 vezes, usando o interesse do clube só pra ganhar aumento de salário no Grêmio, e não passa de um marrento que não é nada sem o seu auxiliar.
    A perguntinha de prova continua, ainda mais com a limitação de troca de técnicos que existe hj: tira o Rogério e coloca QUEM no lugar?
    Não vale Guardiola, nem Mourinho, nem Klopp, nem Simeone e nem Zidane . Não dá pra pagar esses caras, então não “viajem”, tá? E o Mister tão cedo não sai do Benfica. A multa é gigantesca.
    Vamulá! Bota QUEM no lugar do Ceni? Quem apresenta o problema tem que tb apresentar a solução, ou será que é a cozinheira do CT quem vai assumir o time na saída do treinador?

  • FORA CENI. esse professor Pardal não enxerga o jogo. Um time infinitamente inferior e um técnico esforçado deram nó nele. De novo.

  • Da mesma forma que consertar uma defesa que toma muitos gols, consertar um ataque que não os faz requer treinamento. Fazer gols não pode depender somente da habilidade individual dos jogadores, mas também (PRINCIPALMENTE) de jogadas bem treinadas pelo técnico do time. Outro ponto no qual o RC peca é a leitura do jogo. Ele consegue desmontar um esquema que está funcionando para colocar em campo outro totalmente ineficaz. Dizer que os jogadores estavam desgastados é burrice. Ou então não estão condicionados para jogar uma partida inteira de futebol. Acho que o Rogério está perdido. Contudo, não confio no Renato Gaucho. Se a diretoria quiser mesmo demitir o Rogério, deverá contratar um técnico que venha para proporcionar vitórias e títulos. Trocar o RC pelo RG equivale a trocar seis por meia dúzia. É dizer adeus aos títulos que esperamos conquistar.

  • Se a preocupação é uma falta de autocrítica então o Renato não vem. Cinco anos de Grêmio e se ele assumiu a culpa por resultados ruins três vezes nesse tempo todo foi muito. Tomou de 5 pro Flamengo e botou a culpa no dinheiro, no ano seguinte tomou de 4 pro Santos falido e botou a culpa num apagão do time e ainda saiu dizendo que o Grêmio não sofre vexames. Imagina se sofresse…

  • Realmente virou bagunca! Os jogadores não estão satisfeitos e há problema de relacionamento entre o técnico e o elenco. Ganham uma fortuna, a maioria joga bem, mas tem cabeca de titica e não pensam no Mengão só neles mesmos. Assim vamos para o buraco. E adiretoria tem que parar com esta PALHACADA de vender jogador à prêco de banana, e mesmo que não seja. Tá virando time pequeno que mal revela um jogador vende. Tá uma zona!!! E se pensam que vão ter patrocínio com esses resultados estão redondamente enganados. Vão voltar para o patamar anterior. o OTO PATAMA não existe mais!

  • Com Vitinho e Bruno Henrique como figurantes em campo vamos levar uma sacolada do atlético mineiro na quarta feira. O Lázaro e o Muniz pedem passagem.

  • Realmente tem limite para trocar técnico, deveria ter feito antes do brasileiro começar. Mas não dá para concordar que o Ceni deu liga no Flamengo. Pode ser bom técnico, boa gente… Mas o clube vive de resultados. O elenco é muito bom, melhor que fluminense, mesmo assim perdeu

  • Não sei se tem alguém nessa diretoria, em sã consciência que apoie esse trabalho pífio desse professor pardal. Podem até não querer assumir a burrada que fizeram de trocar seis (Dome) por meia dúzia (RC), mas se tiver alguém que avalie como bom, o que este pateta está fazendo com o clube, só pode ser alienado. E torcedor tem que cobrar sim a troca desse incompetente. Se a diretoria não soube escolher e foi pela emoção, a torcida e a instituição Flamengo, não tem culpa. Para fazer as melhores escolhas e acertar nas contratações o clube tem pessoas muito bem pagas para isso. Se não o fazem, que sejam cobrados também

  • O primeiro que tem que sair e o braz faz cagada.e não se esforça para se livrar do rceni so vão demitir quando estiver eliminafo das competições

  • Rogerio Ceni nunca deveria ter sido contratado. para trienar o Flamengo. Ele serve no máximo para série B e olhe lá. Fraquíssimo e se acha o Guardiola .

  • Começou a torcida nojenta a pedir #fora isso, #fora aquilo. Não se esqueçam, cambada de goguentos, agora há limite para troca de treinadores.

  • Rogério SONO…esse nunca me enganou.

Comentários não são permitidos.