Entenda por que ‘problema físico’ de Arrascaeta pode ter influenciado para Varela também ser reserva no Uruguai

Técnico uruguaio mesclou experiência com juventude no time titular para estreia na Copa do Mundo


Giorgian De Arrascaeta vem sofrendo com pubalgia há pouco mais de três meses. O jogador atuou ‘no sacrifício‘ na reta final da Copa do Brasil e da Libertadores da América – competições conquistadas pelo Flamengo em 2022. O problema físico do meio campista fez o técnico Diego Alonso se ver em apuros para a estreia do Uruguai na Copa do Mundo, contra a Coreia do Sul, ocasionando em uma montagem de ‘quebra cabeça‘, sobrando para Guillermo Varela.

Isso porque, Arrascaeta tivera que fazer tratamento no Uruguai e não iniciou os trabalhos integralmente com o restante do grupo da Celeste Olímpica. Assim, os jovens Nícolas De La Cruz e Facundo Pellistri, de 25 e 20 anos, respectivamente, passaram a brigar fortemente pela titularidade – o segundo foi o escolhido. Assim, Diego Alonso decidiu colocar Varela no banco de reservas, para dar mais experiência ao time titular da equipe.


Camisas do Flamengo, acessórios e muito mais: compre e ganhe brindes na melhor loja online do Mengão!



Martin Cárceres, de 35 anos, foi o escolhido pelo técnico para iniciar o jogo contra a Coreia do Sul na lateral direita. Varela, apesar de ter 29 anos, atuou somente em duas partidas de Copa do Mundo, na de 2018, enquanto que o concorrente soma 115 confrontos na Celeste Olímpica, sendo 11 em Mundiais – dois na de 2010, quatro na de 2014 e cinco em 2018.

Ou seja, como Diego Alonso optou por Facundo Pellistri, de 20 anos, na titularidade do Uruguai contra a Coreia, no lugar de Arrascaeta, Varela viu Martin Cárceres ser o escolhido na lateral direita, justamente devido à experiência. Voltando a falar sobre o meio campo, apesar de o camisa 14 do Flamengo estar à disposição, o treinador preferiu ganhar intensidade com Pellistri, além de não correr o risco de perder algum atleta ainda no começo da partida.

Se Arrascaeta estivesse 100% fisicamente desde quando se apresentou à Seleção do Uruguai, a situação dos dois jogadores do Flamengo poderia ser diferente na estreia contra a Coreia do Sul, às 10h (horário de Brasília) desta quinta-feira (24). Com ambos no banco de reservas, o Uruguai entra em campo pelo Grupo H, no estádio Education City. Gana e Portugal completam a chave da Celeste Olímpica.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *