Flamengo reencontra Nação Rubro-Negra em estádio após 497 dias de espera

FOTO: GUITO MORETO

Nesta quarta-feira (21), o Flamengo dará mais um passo na luta incessante pelo tricampeonato da América. A partir das 21h30 (horário de Brasília), o Mais Querido recebe o Defensa y Justicia pela partida de volta das oitavas de final da Copa Libertadores. O duelo acontecerá no Mané Garrincha, Distrito Federal, e contará com a volta da Nação Rubro-Negra às arquibancadas depois de exatos 497 dias de espera.

A última partida do Flamengo com presença de público foi no dia 11 de março de 2020. À época, ainda sob o comando de Jorge Jesus, o Rubro-Negro venceu o Barcelona de Guayaquil por 3 a 0, com gols de Gustavo Henrique, Bruno Henrique e Gabigol, em jogo válido pela segunda rodada do Grupo A da competição continetal. Com a Covid-19 se espalhando rapidamente, logo depois do duelo a pandemia foi decretada e os portões fechados para o público.


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


Na ocasião, cerca de 63 mil rubro-negros acompanharam o triunfo do time dos sonhos. Agora, apesar de retornar ao estádio depois de um ano e meio, o público será bem reduzido. Para receber torcedores no duelo entre Flamengo x Defensa y Justicia, 25% da capacidade do Mané Garrincha foi liberada, ou seja, cerca de 15 mil pessoas poderão acompanhar o confronto.

Apesar de todo o protocolo de saúde e proteção adotado, a procura por ingressos tem sido abaixo do esperado. Até a última terça-feira (20), de acordo com o Flamengo, apenas cinco mil bilhetes haviam sido vendidos. Vale ressaltar que, para comparecer ao estádio, o torcedor precisa comprovar a imunização completa com a vacina contra a Covid-19 ou o PCR negativo. Além disso, a entrada de grávidas e menores de 18 anos foi proibida.

Sendo assim, com a volta tímida e gradual da torcida ao estádio, o Flamengo recebe o Defensa y Justicia. Com elenco titular à disposição, Renato Gaúcho luta para garantir vaga nas quartas de final da Libertadores com o Mais Querido. Vale ressaltar que o Mengo tem a vantagem do empate já que venceu o jogo de ida por 1 a 0, fora de casa, em Buenos Aires, na Argentina.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *