Flamengo tem o dobro de gols em relação ao Palmeiras nos últimos quatro anos no Allianz Parque

FOTO: MARCELO CORTES/FLAMENGO

O Flamengo venceu mais um compromisso diante do Palmeiras, ampliou o tabu e mostrou que o Allianz Parque tem novo dono. Isso porque, com o triunfo por 3 a 1, pela 20ª rodada do Brasileirão, o Rubro-Negro mantém uma invencibilidade de quatro anos no estádio diante do rival paulista. Além disso, foram oito gols marcados e quatro sofridos – em quatro partidas nesse período.

Desde a última derrota rubro-negra, em novembro de 2017, Flamengo e Palmeiras se encontraram quatro vezes no Allianz Parque – todas pelo Campeonato Brasileiro. O Mais Querido venceu metade dos compromissos nesse período. Ou seja, ganhou dois e empatou outros dois. Curiosamente, marcou o dobro de gols em relação ao adversário, que tem o melhor ataque como mandante na Série A 2021.


JOGADORES DO FLAMENGO QUE MARCARAM GOL NO ALLIANZ PARQUE
Nos últimos quatro anos

  • Gabigol: 2 gols
  • Michael: 2 gols
  • Pedro: 2 gols
  • Arrascaeta: 1 gol
  • Matheus Thuler: 1 gol

Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


Entre 2019 e 2021, por exemplo, o Flamengo ganhou duas vezes por 3 a 1 no Allianz Parque. A primeira ainda sob os comandos de Jorge Jesus e com gols de Gabigol (2) e Arrascaeta. No último domingo, já com Renato, foi a vez de Michael (2) e Pedro comandarem o triunfo carioca.

Assim como ocorreu em 2020, quando foi a campo com time predominantemente formado por atletas da base, o Flamengo lidou novamente com uma série de desfalques nesse domingo (12). Contudo, nem mesmo as ausências de Bruno Henrique, Gabigol, Filipe Luís, Rodrigo Caio e Diego foram suficientes para impedir uma nova vitória rubro-negra na casa adversária.

O Flamengo é o atual terceiro colocado do Brasileirão, com 34 pontos – atrás apenas de Palmeiras, com 35, e Atlético-MG, com 42. Cabe pontuar, porém, que o Rubro-Negro possui dois jogos a menos em relação aos adversários e ainda tem três jogos por disputar (Grêmio, Athletico e Atlético-GO).

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *