Flamengo lista sete ‘missões’ para tratar antes de 2023

Compra de Gerson, renovações de contrato e negociações no mercado; Fla quer agilizar planejamento de 2023


Durante a temporada, os dirigentes do Flamengo costumam trabalhar incansavelmente para dar suporte aos jogadores e à comissão técnica. Porém, quando a jornada termina, a diretoria intensifica ainda mais os serviços. Não à toa, o Fla tem sete missões emergenciais para discutir antes de 2023, desde renovações de contratos à compra de Gerson.

COMPRA DE GERSON
O meia quer voltar ao Flamengo, mas o Olympique de Marselha (FRA) pede 20 milhões de euros (cerca de R$ 109,7 milhões na cotação atual). O Rubro-Negro negocia com os franceses e tem acordo com o jogador, que assinará, caso tudo dê certo, contrato de cinco temporadas com o Fla.

A diretoria do Flamengo fará reuniões ao longo deste semana para debater até quanto será investido no atleta. A princípio, os dirigentes estão dispostos de pagar 16 milhões de euros (R$ 87,7 milhões) por Gerson. O Olympique, contudo, está inflexível. Por isso, o Fla irá discutir o tema, mas a negociação deve virar “novela”, se prolongando ao longo deste ano.

RENOVAÇÃO DE FILIPE LUÍS
Este tema está bastante adiantado, resta apenas assinatura de contrato. Por enquanto, tudo está acertado entre as partes: vínculo de mais um ano, redução salarial, valor do bônus por renovação e quantia da comissão do empresário do atleta. Porém, há algumas cláusulas que o Flamengo irá discutir no decorrer desta semana, mas as partes devem oficializar a continuidade do lateral até sexta-feira (18).

PERMANÊNCIA DE DAVID LUIZ
Flamengo e zagueiro ainda discutem alguns temas, pois, enquanto Filipe Luís diminuirá o salário, David Luiz deve receber aumento. O clube carioca sabe do desejo do atleta, que aceitou ter os vencimentos abaixo do que ganhava na Europa, mas, agora, quer que seja acréscimo alguma quantia.

Os dirigentes acreditam que o zagueiro fez por merecer o aumento e, por isso, as partes falam a mesma língua. O empresário de David Luiz, no entanto, busca contrato de duas temporadas, enquanto o Fla quer que o novo vínculo seja por um ano, ou seja, até dezembro de 2023. Outros temas também estão sendo discutidos, mas a renovação deve ser concretizada sem maiores problemas.

CONTINUIDADE DE DORIVAL JÚNIOR
Flamengo e treinador negociam há semanas, e o interesse é mútuo em dar continuidade no trabalho em 2023. O comandante receberá reajuste salarial, assim como a comissão técnica do treinador. Todos terão aumento nos vencimentos mensais: Dorival Júnior, auxiliares Lucas Silvestre e Pedro Sotero e o preparador físico Celso Rezende.

Apesar de as conversas estarem avançadas, o clube carioca e o treinador ainda negociam o tempo do vínculo e outras cláusulas, como premiação por títulos, bonificação, multa rescisória, entre outras coisas. Nada do que ainda está pendente, contudo, é visto como fator que pode “melar” a permanência do comandante.

AQUISIÇÃO DE AYRTON LUCAS
O lateral esquerdo pertence ao Spartak de Moscou (RUS) e estava emprestado até dezembro deste ano ao Flamengo. O Mengão tenta comprar o atleta, mas a negociação com os russos não será fácil, pois o jogador é bem visto internamente no time russo.

A diretoria do Flamengo acredita que Ayrton Lucas é o nome perfeito para revezar a titularidade com Filipe Luís ao longo de 2023. Por isso, a diretoria quer pagar cerca de 6 milhões de euros (R$ 32,6 milhões na cotação atual) pelo jovem atleta de 25 anos. O Spartak, no entanto, pede 9 milhões de euros (R$ 48,9 milhões). Em reunião dos dirigentes nesta semana, há o intuito de chegar a um consenso sobre até quanto possa chegar para investir no lateral.

PRÉ-CONTRATO DE AGUSTÍN ROSSI
O goleiro do Boca Juniors (ARG) pode assinar pré-contrato a partir de janeiro de 2023, e o Flamengo quer contratar o jogador. Porém, o Rubro-Negro estuda dar uma compensação financeira aos argentinos para ter o arqueiro antes de junho de 2023, quando termina o vínculo de atleta.

A reunião desta semana será fundamental para decretar a ação do Flamengo nesta negociação. O Boca Juniors sabe que perderá Rossi de graça em 2023, pois os empresários do atleta deixaram claro que não aceitarão qualquer oferta de renovação. Fla e arqueiro têm interesse mútuo no negócio, que deve ser oficializado em 2023.

CONTRATAÇÕES PARA 2023
Além de Gerson e Rossi, o Flamengo estuda diversos nomes para 2023, mas trata como prioridades as seguintes posições: goleiro, lateral direito e volante. Porém, há o desejo de reforçar o meio campo e o ataque. A diretoria entende que Everton Ribeiro e De Arrascaeta precisam de reservas à altura, além de estudarem ir atrás de pontas habilidades e decisivos.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Fora Dorival. Fora Braz. Até quando iremos ter esse diretor amador que acha o Domenec e o Paulo Sousa técnicos de primeira. Que adianta formar um elenco milionário que joga como um bando. Nossa situação é a inversa do FluminenC

  • Não acho que David Luiz seja o melhor zagueiro, pelo lado direito da defesa. Fabrício tem sido mais efetivo, pesar de ter jogado muito abaixo do seu melhor, nas últimas partidas.
    É importante testar o Cleiton, saber da possibilidade real de contar com o Rodrigo Caio e, se estes dois casos não forem satisfatórios, pensar na contratação de um zagueiro.
    Acho que Rojo (Boca Juniors) e Marcelo Benevenuto (Fortaleza) seriam os melhores nomes para a zaga.
    Por fim, acho que David Luiz não fez uma temporada tão segura e não creio que possa melhorar para jogar bem nas 2 próximas temporadas.

  • O time B do Mengão mostrou que não é o “segundo melhor time do Brasil”. Está muito longe disso. Então, é hora de reforçar a equipe B, colocando jogadores de alto nível para disputar posição com os titulares.
    Além disso, temos que ter um meia de categoria, para substituir o Arrascaeta, pois o nosso mago já vem apresentando problemas de contusão, há algum tempo, e o time vem se ressentindo disso. O exemplo disso é a performance da equipe nas fases finais de Libertadores e de Copa do Brasil. Nosso Mengão, assim como ganhou estas duas copas, poderia tê-las perdido, pois jogou mal contra Corinthians e contra Athlético. Depois, fracassou feio nos 4 últimos jogos do Brasileiro.
    Terans pode ser o substituto de Arrasca, mas preferiria Ganso ou Alan Patrick. Ambos já passaram dos 30 anos, mas estão jogando muito. O problema de Ganso é que não aceitaria a reserva, mas pode ser aproveitado também no lugar de Éverton Ribeiro.

  • O time B do Mengão mostrou que não é o “segundo melhor time do Brasil”. Está muito longe disso. Então, é hora de reforçar a equipe B, colocando jogadores de alto nível para disputar posição com os titulares.
    Além disso, temos que ter um meia de categoria, para substituir o Arrascaeta, pois o nosso mago já vem apresentando problemas de contusão, há algum tempo, e o time vem se ressentindo disso. O exemplo disso é a performance da equipe nas fases finais de Libertadores e de Copa do Brasil. Nosso Mengão, assim como ganhou estas duas copas, poderia tê-las perdido, pois jogou mal contra Corinthians e contra Athlético. Depois, fracassou feio nos 4 últimos jogos do Brasileiro.
    Terans pode ser o substituto de Arrasca, mas preferiria Ganso ou Alan Patrick. Ambos já passaram dos 30 anos, mas estão jogando muito. O problema de Ganso é que não aceitaria a reserva, mas pode ser aproveitado também no lugar de Éverton Ribeiro.

  • Boa noite. Flamengo precisa. De um lateral. Esquerdo. Dois pontas abilidosos. Não temos ninguém pra furar uma retranca. Quando tomamos um é outro time se tranca
    Na maioria das vezes podemos os jogos. Por faltas de jogadores dribladores e jogadas de fundo. Um articulador tem seria bom.