Com jogadores poupados, Flamengo chega a dez desfalques para jogo contra o Volta Redonda

FOTO: ALEXANDRE VIDAL / FLAMENGO

O Flamengo entra em campo logo mais, para encarar o Volta Redonda, pelo segundo e decisivo embate da semifinal do Campeonato Carioca. A partida é quase protocolar para o Mais Querido, que venceu o primeiro duelo por 3 a 0. Por isso, Rogério Ceni poupou alguns jogadores e conta, ao todo, com dez ausências para o confronto diante do Tricolor.

O Rubro-Negro não pode contar com cinco atletas devido à lesões. Rodrigo Caio está em fase de transição, Diego Alves foi diagnosticado com fibrose na coxa, Gerson e Renê se recuperam de problemas musculares, enquanto Thiago Maia operou o joelho, mas já está na reta final do tratamento. Além destas ausências, Ceni não relacionou Willian Arão, Filipe Luís, Diego Ribas, Arrascaeta e Bruno Henrique.


Quem será o próximo a perder para o Mengão? Saiba como lucrar com previsões esportivas!


Rogério Ceni optou por não levar alguns atletas do time principal para evitar o risco de novas lesões. Isso porque, na terça-feira (11) – três dias após o jogo deste sábado (08) -, o Flamengo volta a campo pela quarta rodada da fase de grupos da Libertadores da América, em gramado sintético no Chile, contra o Unión La Calera. Pensando nisso, além da vantagem obtida no primeiro duelo com o Volta Redonda, Ceni decidiu não arriscar os jogadores.

Com um time repleto de reservas, o Flamengo entra em campo às 21h05 (horário de Brasília) deste sábado (08), contra o Volta Redonda. O confronto acontece no Maracanã, pela segunda e decisiva partida da semifinal do Campeonato Carioca. Como venceu por 3 a 0 o primeiro duelo e foi campeão da Taça Guanabara, o Fla só será eliminado caso sofra goleada por quatro gols de diferença.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Treinador nota 5, estagiario ou professor pardal?